Está a ler o arquivo 2005-2009 do Beijós XXI. A partir de 2010, o blogue passou a ser publicado no endereço http://beijozxxi.blogspot.com

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Passa-se ou não se passa???


Pois.... Estranho....

O que fazer neste caso???

Ontem 22.59 horas no regresso a Beijós deparo-me com esta situação.

Claro que após uma paragem meio alucinado, digo cá para mim... Que é isto?? eu não bebi!!!


Então depois de passar, faço uma inversão de marcha e toca a pegar na HP e tirar umas fotos a esta situação caricata.




Já agora penso que pelas fotos localizam bem o local destes semáforos....

Posted by Picasa

11 Beijos:

Motorista disse...

Inversão de marcha no risco contínuo? O mais sensato seria teres virado em direcção a Falorca e fazeres umas fotos de Póvoa Dão by night.

BATISTA disse...

Pois... Mas que importa fazer inversão de marcha no risco continuo?? Também passei o sinal vermelho..., lol

Anónimo disse...

Realmente esta situação é um pouco Constrangedora... Até eu fiquei a olhar para os semáforos alguns segundos para confirmar o k estava a acontecer diante de mim....

Ché.76 disse...

São os 1ºs semáforos de Loureiro de Silgueiros no sentido Viseu - Beijós.

Anónimo disse...

Neste caso ignora-se o semáforo.
É como somar -1+1=0.
verde + vermelho=ausencia de semáforo

Solicitador Mor disse...

Este é um caso à experiência.

Estamos a estudar a viabilidade deste tipo de semáforos.

É muito simples, sempre que o dispositivo ficar verde e vermelho ao mesmo tempo, o condutor decide se continua ou suspende a marcha, não me parece nada complicado.

O povo português é que acha tudo anormal.

Solicitador Mor disse...

Ah já agora, como há sempre umas mentes complicadas, que vão dizer e para que é que isso serve?

Dah!

Pois é, temos que explicar tudo, tudo.

Está claro que é muito útil.

Sempre que o condutor decida avançar, legítima o agente da autoridade a à fiscalização por suspeita de infracção, a partir desse momento e até prova que o condutor não cometeu qualquer infracção, este (o condutor) pode ser compelido a acompanhar a autoridade até ao posto policial mais próximo, logo a efectuar uma revista de segurança ao alegado transgressor.

Por fim, claro, o agente de autoridade no seu livre poder, discricionário, decide se o condutor passou ou não o sinal luminoso vermelho (que como toda a gente é de paragem obrigatória).

Daáh!!!

condutor daltónico disse...

1ª hipótese: ninguém ainda se lembrou que Silgueiros é concelho de Viseu e quem manda em Viseu ...
Será que não estava previsto passar por ali um fiscal do ambiente ?; sempre é mais fácil baralhá-lo que corrê-lo à predrada ...
2ª hipótese: o tinto de Silgueiros este ano vai ser bom, e ainda estamos nas vindimas.
3ª hipótese: os burros são daltónicos (a inversa pode não ser verdadeira).

Mas vou pela primeira hipótese

Condutor gintónico disse...

Eu tenho-me deparado amiúde com um semáforo vermelho intermitente. O que devo fazer?

Anónimo disse...

Semáforos a mais lá,
semáforos a menos cá

VIVEIROS-BATISTA disse...

aconteceu-me precisamente a mesma situação, no semaforo das 4 esquinas em oliveirinha, do lado de oliveira de conde, estava parado no vermelho e quando acendeu o verde o vermelho manteve-se tambem aceso. avancei, mas com cautela, não fosse acontecer o mesmo nos outros semaforos....

Enviar um comentário