Está a ler o arquivo 2005-2009 do Beijós XXI. A partir de 2010, o blogue passou a ser publicado no endereço http://beijozxxi.blogspot.com

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Faça a árvore genealógica da sua família

"Igreja Mórmon disponibiliza registos até ao século XVI

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, mais conhecida por Igreja Mórmon, tem em Portugal vinte centros de pesquisa que permitem a qualquer cidadão traçar árvores genealógicas até ao séc. XVI.

Abertos a todos e de acesso gratuito, os centros disponibilizam microfilmes com registos paroquiais de Portugal que permitem recuar cinco séculos e os únicos requisitos para proceder a uma busca são o tempo e a paciência.

Na capital, a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias tem o Centro da História da Família/Biblioteca Genealógica de Lisboa, na Avenida Almirante Gago Coutinho, e um pólo em Benfica mas existem outros locais de pesquisa de Norte a Sul do país e nas ilhas.

(...)

No acervo do Centro da História da Família/Biblioteca Genealógica de Lisboa a pesquisa faz-se por freguesia numa sala de leitura com nove monitores onde são visionadas as imagens dos livros de registos paroquiais.

«Há quem venha cá apenas para saber mais sobre a própria família mas também há quem recorra ao serviço porque está a fazer uma tese e precisa de saber quantas pessoas nasceram, morreram e de que causas em determinado período», indicou o responsável, acrescentando que o espaço é frequentado por «pessoas de todas as idades e todos os níveis, incluindo advogados, médicos e até ministros».

(...)

A Biblioteca Genealógica de Lisboa começou a disponibilizar os microfilmes ao público nos anos oitenta e actualmente existem diversos outros Centros de História da Família no continente - em Alverca, Braga, Beja, Coimbra, Faro, Leiria, Miratejo (Corroios), Oeiras, Ovar, Portimão, Porto (com dois pólos), Póvoa do Varzim, Setúbal, Viseu - e nas ilhas: Funchal, Ponta Delgada ou Angra do Heroísmo.

(...)

A Sociedade começou a microfilmar em 1938 e já percorreu mais de 110 países através de uma rede que inclui centenas de pessoas especializadas em História, estudos das regiões, biblioteconomia, micrografia e vários idiomas. Cerca de 200 câmaras estão actualmente a microfilmar registos em mais de 45 países.

Os microfilmes originais estão depositados nas Montanhas Rochosas do Utah, numa estrutura à prova de sismo e de ataque nuclear que a Igreja designa por Cofre das Montanhas de Granito, já que o depósito guarda as películas sob 200 metros de granito, numa atmosfera com temperatura e humidade controladas.

(...)

A página de Internet alojada em www.familysearch.org informa ainda que a Sociedade Genealógica do Utah disponibiliza um Arquivo Ancestral com mais de 35 milhões de nomes ligados a famílias, um Índice Genealógico Internacional com mais de 125 milhões de nomes e um Arquivo de Recursos de Linhagem, que contém para cima de 80 milhões de nomes, também ligados a famílias.

Em Portugal, além dos Centros da História da Família da Igreja Mórmon, é possível obter informação para construir uma árvore genealógica na Torre do Tombo, na Santa Casa da Misericórdia (devido à roda dos expostos) e nos arquivos militares."

Fonte: Diário Digital

26-12-2007






Family History Centers in Viseu
Rua Candido dos Reis 81
Viseu
Portugal
Phone: 351-32425559
Hours: 3ª e 5ª: 19H00-21H00; Sab: 17H00-19H00





2 Beijos:

beijokense disse...

A única vantagem de usar o centro de Viseu para procurar famílias do Distrito seria o horário, 2 horitas ao Sáb para quem não pode ir durante a semana (por falar nisso, António, o horário que colocaste não está correcto).
De resto, é muito melhor procurar nos livros no Arquivo Distrital. Quem não pode deslocar-se ao arquivo pode pedir os registos por email, se tiver noção da data aproximada do registo.
Quem quiser começar a procurar algo sobre famílias beijosenses, pode sempre começar por questionar o Beijokense, que tem uma base de dados, no momento, com 2500 registos.

bunny disse...

da proxima vez que me cruzar com mormons na Rua ja vou pensar coisas diferentes do que penso habitualmente!!! :):):)

isto e verdadeiro serviço publico!!
eu ja tenho a minha...hihi

Enviar um comentário