Está a ler o arquivo 2005-2009 do Beijós XXI. A partir de 2010, o blogue passou a ser publicado no endereço http://beijozxxi.blogspot.com

sábado, 10 de novembro de 2007

Segurança Social extende protecção aos emigrantes

Segundo a Lusa, perto de um milhão de portugueses a viver na América do Sul poderá vir a beneficiar de pensões sociais, devido ao Acordo de Segurança Social rubricado por 16 países na recente Cimeira Ibero-americana.

Este acordo multilateral , que terá ainda de ser aprovado pelos respectivos parlamentos, permitirá reconhecer e totalizar os tempos de descontos de qualquer trabalhador, mesmo que sejam efectuados em diferentes países ibero-americanos, de modo a que possam usufruir de uma pensão.

Muitos emigrantes trabalham 5 ou 10 anos em cada país e tem estado sujeitos a perder o tempo de serviço quando mudam de país.

Os benefícios, que dependeram da legislação em vigor do país de acolhimento, irão aplicar-se às pensões de invalidez, viuvez, sobrevivência, acidentes de trabalho ou doença profissional dos cerca de cinco milhões de emigrantes entre os diversos países.
Assim, ficarão abrangidos os cerca de 969 mil portugueses residentes no Brasil, Venezuela e Argentina e os 72 mil brasileiros e latino-americanos que vivem em Portugal.
Ver também a contagem do tempo na tropa para as pensões para militares emigrantes

1 Beijos:

Anónimo disse...

SILÊNCIO CULPADO disse...
Perante uma grande sacanice que está a ser feita sobre alguns professores que não recebem vencimento,têm horários d e12 horas ou estão a recibos verdes sugere-se que todos os blogues publiquem a notícia que está no http://cegueiralusa.com

Enviar um comentário