Está a ler o arquivo 2005-2009 do Beijós XXI. A partir de 2010, o blogue passou a ser publicado no endereço http://beijozxxi.blogspot.com

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Lave daí as suas mãos

Lavar as mãos previne o contágio com o vírus da gripe.


"Investigadores britânicos descobriram que a melhor maneira de prevenir a propagação da gripe comum e até mesmo o vírus da gripe das aves é lavar as mãos com frequência.

O investigador John Oxford, da Queen Mary’s School of Medicine, em Londres, analisou os melhores métodos de prevenção da gripe e concluiu que, ao invés de utilizar produtos anti-virais, as pessoas deveriam ter a higiene pessoal como prioridade para evitar a doença. Deste modo, o cientista explicou às agências internacionais, que o modo menos efectivo de prevenir a transmissão da gripe comum é o uso de lenços de papel anti-virais.

Fotografia: MundoPT

Vários estudos científicos têm demonstrado que os vírus da gripe podem sobreviver nas mãos durante várias horas, propagando-se pelo contacto directo.

Além da infecção por meio de tosse e espirros de outros indivíduos, as pessoas podem contrair o vírus através das mãos, ao tocar um objecto ou uma pessoa infectados. Se coçam o nariz ou os olhos com os dedos contaminados pelos vírus, também podem infectar-se com a gripe e espalhar a doença para outras pessoas, levando a um círculo imparável. Para deter esse círculo, a melhor maneira é lavar as mãos, segundo os especialistas britânicos."

Texto: Médicos na Internet


***
Como lavar as mãos

Um conveniente método para lavar as mãos deve atender aos seguintes pontos:

* Use sabonete líquido e água corrente;
* Esfregue vigorosamente as mãos enquanto as lava;
* Lave toda a superfície (incluindo as costas das mãos, os pulsos, o espaço entre os dedos e sob as unhas);
* Deixe a água a correr até que todo o sabonete tenha sido removido;
* Limpe as mãos com uma toalha descartável;
* Em casas de banho públicas, feche a torneira usando uma toalha de papel.
In: MundoPT

3 Beijos:

beijokense disse...

Uns dizem não aos descartáveis, outros que tudo o que é descartável é mais higiénico.
Convém pensar no que acontece ao que descartamos -- p. ex: enquanto um babete Beijós XXI é reutilizável, as faldras descartáveis dos respectivos utilizadores vão ficar por aí nos próximos 500 anos. Se a natalidade aumentasse para os níveis desejados, teríamos um grave problema de poluição! 8-)

beijokense disse...

faldras, não, fraldas

António disse...

:)

Enviar um comentário