Está a ler o arquivo 2005-2009 do Beijós XXI. A partir de 2010, o blogue passou a ser publicado no endereço http://beijozxxi.blogspot.com

segunda-feira, 22 de janeiro de 2007

Documentos antigos de Beijós - 7

Mais um documento que atesta a importância da água - a troca da passagem de um rego pelo direito a meio dia de água, de dez em dez dias.
Este foi escrito, faz hoje precisamente 181 anos, por Antonio Coelho de Abrantes, 5º avô dos contributors Nuno, Beijokense e Victor Peixeira. O dono da balla é também 4º avô dos 2 últimos.

«Por este por nos mandado fazer a baixo Asignado dizemos nos Eu Jolliana Marques Vª e meu filho Simão da Costa como tutores dos meus filhos horfaons moradores neste Lug.r de Beijos Conº de Olivª de Conde q. he verdade q. nos damos liberdade a meu Irmão e Thio Manoel Marques de passar com hum rego de Agoa da balla q. elle cavou no Cimo do Turrual pello nosso bocado de quinta q. nos temos no sitio do mesmo Turrual com a obrigação de elle nos dar meio dia de Agoa da balla nova cada dez dias ficando elle com nove dias e meio e nos com meio dia de Verão e Inverno fazemos este com declaração q. o Irdeiro q. ficar com a quinta tão bem tera meio dia de Agoa delle a todo o tempo q. tomar conta da quinta e nos obrigamos a fazer lhe este contrato em Juizo e fora delle por não ser de perjuizo contra os horfaons e queremos que valha e tenha vallor e vigor como se fora escriptura publica e nos obrigamos a fazer lha a todo tempo q. nos for pedida e tão bem obrigamos nossas pessoas e bens presentes e futuros e por ser verd.e roguemos a Antonio Coelho de Abrantes deste Lug.r q. este nos fizese e a rogo de mim contratante asignase o qual Eu fis e a seu rogo asignei em presença destes testemunhas q. presentes estavão ao fazer deste Joze de Abrantes do Amaral, e Bernardo Paés do Amaral todos deste Lug.r de Beij q. aqui asignarão depois deste lhe ser lido e declarado feito hoje aos 22 de Janeiro de 1826»

2 Beijos:

Vadio disse...

Pontuação para quê? Parece um texto do escritor José Saramago.

Tadeu disse...

Estes documentos são um verdadeiro legado histórico e antropológico.

Enviar um comentário